INCLUSÃO DE HÁBITOS ALIMENTARES SAUDÁVEIS NA EDUCAÇÃO INFANTIL COM ALUNOS DE 4 E 5 ANOS

Autores

  • Tania Nunes Davi
  • fernanda martins lopes Graduada do curso de Pedagogia da FACIHUS-FUCAMP

Resumo

O objetivo desse artigo foi discutir a necessidade de hábitos alimentares saudáveis na infância e propor projetos que apresentassem o tema para os alunos de 4 e 5 anos da Educação Infantil. A metodologia utilizada foi a pesquisa bibliográfica e a pedagogia de projetos na montagem de duas sugestões de projetos a serem aplicados na sala de aula. O elevado índice de doenças causadas pelos maus hábitos alimentares e sedentarismo, em pessoas cada vez mais jovens, alerta para que atitudes sejam tomadas com o intuito de prevenir essas doenças e melhorar a qualidade de vida da população. A formação dos hábitos alimentares e de outras atitudes saudáveis começa na infância, por essa razão a escola é um lugar propício para o desenvolvimento de atividades, projetos e ações que levem ao desenvolvimento de bons hábitos alimentares, superando a aversão de muitas crianças por alimentos como verduras e frutas. É necessário que o professor esteja apto para desenvolver com os alunos ações educativas que contribuam para hábitos alimentares saudáveis, levando em conta a faixa etária, a cultura da região e a situação financeira dos envolvidos. As atividades devem contribuir para a compreensão dos alunos e para que possam estender o conteúdo aprendido aos pais, familiares e a comunidade na qual vive. O professor, por meio de projetos pedagógicos criativos, inovadores, interdisciplinares, participativos e em conjunto com a família, pode realizar ações visando à melhoria do conhecimento sobre alimentação, a qualidade de vida a curto e longo prazo e desenvolvendo novos e saudáveis hábitos de alimentação nos alunos e na comunidade.

Biografia do Autor

Tania Nunes Davi

Doutora em História pela UFU-MG e professora da FACIHUS/FUCAMP

Downloads

Publicado

23/02/2017